• Data: 20/05/2020

Acusado de contratar fantasmas, prefeito de Bayeux é afastado mais uma vez do cargo

Em sessão remota realizada nesta quarta-feira (20), a Justiça afastou, por 9 votos a 1, mais uma vez o prefeito da cidade de Bayeux, Berg Lima. O gestor é acusado de ter contratado funcionários fantasmas.

O relator do processo, desembargador Joás de Brito Pereira, votou pela aceitação da denúncia apresentada pelo Ministério Público e o afastamento de Berg do cargo.

Berg já havia sido afastado da gestão e preso após ser gravado supostamente recebendo dinheiro de um empresário para facilitar pagamentos que estariam atrasados por serviços contratados pela prefeitura.

Ao votar, o desembargador Oswaldo Trigueiro disse que o prefeito “não tem a mínima condição de estar à frente da Prefeitura de Bayeux”.

Os magistrados, porém, rejeitaram a prisão preventiva do gestor municipal.



 

Voltar

PUBLICIDADES